Cerca de 80% dos casos de cegueira poderiam ser evitados, alerta médico no dia do oftalmologista

Mais de 1,2 milhão de pessoas são cegas no Brasil, esse é o número estimado pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e o dado mais alarmante é que de todos estes casos cerca de 60% a 80% são evitáveis ou tratáveis, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). O alerta é do médico oftalmologista Ernani Garcia, e isso significa que quase 700 mil brasileiros que são cegos poderiam estar enxergando, caso tivessem descoberto a doença a tempo.

Explica Dr. Ernani Garcia que este é justamente o grande problema: a falta de prevenção, já que a cegueira geralmente é uma doença que chega silenciosa. O brasileiro não tem o hábito de visitar o oftalmologista, isso impede que se perceba a doença ainda no início, por isso, a maioria das vezes o tratamento acaba não tendo o resultado esperado.

Para evitar que os números e as estatísticas continuem numa crescente, no próximo 7 de maio, data em que se comemora o dia do oftalmologista, os profissionais do Hospital de Olhos de Florianópolis (HOF) querem mais do que os cumprimentos, desejam que as pessoas acrescentem na lista de consultas de rotina, uma visita ao consultório oftalmológico também. Afinal, a visão está diretamente ligada à saúde e à qualidade de vida.

Para garantir olhos saudáveis o primeiro passo é simples, começa pela consulta, que vai checar se está tudo bem. Quanto antes os problemas de visão forem corrigidos, melhor será o desenvolvimento correto dos olhos. Por isso, não importa a idade, ao perceber qualquer mudança é importante consultar um oftalmologista para fazer uma avaliação, exames mais específicos e, caso necessário, a indicação do uso de óculos ou lentes de contato.